Category Archives: Imprensa

Ciro afirma ter sido ‘miseravelmente traído’ por Lula e acusa PT de eleger Bolsonaro

Ciro afirma ter sido ‘miseravelmente traído’ por Lula e acusa PT de eleger BolsonaroFoto: Murilo Silva/ Capol

O ex-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), disse ter sido “miseravelmente traído” pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e fez duras críticas ao partido em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo. O pedetista ainda acusou a sigla de eleger Jair Bolsonaro (PSL) e criticou a articulação do PT para impedir o apoio do PSB à sua candidatura.

“Fomos miseravelmente traídos. Aí, é traição, traição mesmo. Palavra dada e não cumprida, clandestinidade, acertos espúrios, grana. Pelo ex-presidente Lula e seus asseclas. Você imagina conseguir do PSB neutralidade trocando o governo de Pernambuco e de Minas? Em nome de que foi feito isso? […] Projeto de poder miúdo. De poder e de ladroeira. O PT elegeu Bolsonaro”, atacou.

Ciro também considerou um insulto o convite de Lula para assumir o papel de seu vice no lugar de Fernando Haddad (PT).  “[Não aceitei o convite] Porque isso é uma fraude. Para essa fraude, fui convidado a praticá-la. Esses fanáticos do PT não sabem, mas o Lula, em momento de vacilação, me chamou para cumprir esse papelão que o Haddad cumpriu. E não aceitei”, disse. *Bahia Noticias

Após fake news, Patrícia Pillar pede respeito nas eleições e diz que nunca apanhou de Ciro

Após fake news, Patrícia Pillar pede respeito nas eleições e diz que nunca apanhou de CiroFoto: Reprodução / Instagram

A atriz Patrícia Pillar usou suas redes sociais, nesta quarta-feira (19), para desmentir as fake news que dizem que ela foi agredida pelo candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT) enquanto eram casados. Na internet, o meme é o seguinte: “Gente, eu nunca fui casada com Bolsonaro. Quem me batia era o Ciro Gomes”.

Pillar foi casada 12 anos com Ciro. Eles se separaram em dezembro de 2011. “Estou aqui para dizer que estão usando a minha imagem para divulgar notícias falsas, favorecendo um candidato que jamais seria o meu. Eu nunca sofri nenhum tipo de violência da parte de ninguém. Isso é totalmente falso”, diz Pillar no vídeo.

“Quero dizer também que, independente de quem é o seu candidato, o que a gente precisa agora é de paz e de respeito. Eu desejo uma excelente eleição para todos nós, porque é o que o Brasil precisa”. *Bahia Noticias

Trump sugere construir muro no Deserto do Saara contra imigrantes

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sugeriu ao ministro das Relações Exteriores da Espanha, Josep Borrell, construir um muro no deserto do Saara para reduzir a imigração. A sugestão de Trump se assemelha a sua proposta de campanha de muro na fronteira com o México, que ainda não começou. De acordo com o jornal O Globo, Borrell relatou o fato em um almoço nesta semana em Madri. O ministro seria contra aos dois projetos de muro. *O Globo

‘Eu falo palavrões em legítima defesa’, diz Ciro Gomes

'Eu falo palavrões em legítima defesa', diz Ciro GomesFoto: Reprodução / Época

O candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, disse que fala palavrões em legítima defesa e que não tem sangue de barata sobre ter xingado e empurrado de leve um homem que fez uma pergunta durante entrevista em um evento de campanha, no último sábado (15), em Roraima.

Durante entrevista ao Jornal da Globo, na madrugada desta terça-feira (18), o candidato falou novamente que o homem que empurrou não é jornalista e que ficou sabendo que o senador Romero Jucá tinha pago um “sujeito” para provocá-lo. “Ele se aproximou e colocou um adesivo do Bolsonaro aqui no meu peito”, disse.

Ao ser questionado sobre ter xingado um ouvinte de uma rádio de “burro” na campanha de 2002, Ciro falou que não podem chamá-lo de incompetente e ladrão e ficam lembrando dessa história de 16 anos atrás. “Eu chamei alguém de burro e tem tem gente burra mesmo”, disse. *G1

Boechat zoa com frase de Lucio de que é deputado que mais trouxe dinheiro para Bahia

Boechat zoa com frase de Lucio de que é deputado que mais trouxe dinheiro para BahiaFotos: Divulgação | Lucio Bernardo Jr./ Câmara dos Deputados

O apresentador e jornalista da Band News FM Ricardo Boechat debochou nesta quarta-feira (12), junto com o também jornalista José Simão, da frase usada pelo deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB), irmão de Geddel Vieira Lima, em sua campanha à reeleição.

Lúcio disse que é o deputado que mais trouxe dinheiro para a Bahia. Ele e o irmão viraram réus em maio deste ano, no caso do bunker de R$ 51 milhões, encontrado em Salvador, na Bahia.

Após longa gargalhada, Boechat ironizou durante Jornal da BandNews FM: “Sou o deputado que mais trouxe dinheiro para guardar naquele apartamento. Delícia. Enfim uma verdade”. *Bahia Noticias

PGR pede arquivamento de inquérito contra Aécio Neves no STF

PGR pede arquivamento de inquérito contra Aécio Neves no STFFoto: José Cruz / Agência Brasil

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu nesta terça-feira (11) o arquivamento de um inquérito contra Aécio Neves (PSDB-MG) no Supremo Tribunal Federal (STF). O senador tucano é investigado por suposta atuação nas fraude de registros do Banco Rural remetidos à CPMI dos Correios, em 2005.

O inquérito teve como base a delação premiada do ex-senador Delcídio do Amaral, que presidiu a CPMI e relatou ter sido procurado por Eduardo Paes, então deputado pelo PSDB, que lhe teria pedido, em nome de Aécio, que adiasse o prazo dado ao Banco Rural para o envio dos documentos, de modo a haver tempo para a fraude. O objetivo, segundo Delcídio, seria maquiar dados que pudessem revelar esquema semelhante ao Mensalão sendo operado pelo publicitário Marcos Valério na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em benefício do então governador Aécio Neves e de seu vice, Clésio de Andrade. De acordo com a Agência Brasil, ao pedir o arquivamento do inquérito, Raquel Dodge argumentou que “a autoridade policial não recolheu provas ou elementos de convicção suficientes para corroborar as declarações do colaborador e permitir a instauração da ação penal”.

“Além disso, ante o tempo decorrido desde o ano 2005, quando os fatos teriam ocorrido, a autoridade policial não vislumbra outras diligências que lhe permitam elucidar os fatos e sua autoria, além das diversas medidas já adotadas, que eram potencialmente úteis ao avanço da apuração, mas não desvendaram os fatos em sua inteireza”, acrescentou a procuradora. *Agência Brasil

Site diz que Demi Lovato foi internada por overdose de heroína

Site diz que Demi Lovato foi internada por overdose de heroína Foto: Divulgação

Demi Lovato foi hospitalizada em Los Angeles, nesta terça-feira (24), após ter uma suposta overdose de heroína. As informações são de fontes consultadas pelo TMZ. Segundo o site, os paramédicos encontraram a cantora inconsiente quando chegaram à casa dela em Hollywood Hills, e foi levada ao hospital em que está sendo tratada pelos profissionais responsáveis. A cantora sofre com problemas por abuso de substâncias há muito tempo, e foi para uma clínica de reabilitação em 2010. Demi tinha revelado que estava sóbria há quase 7 anos, mas recentemente ela lançou a música “Sober”, tradução sóbria, em que pede desculpas à família e aos fãs por ter recaídas e não estar mais sóbria. *TMZ

Trump responde ao presidente do Irã: ‘Nunca mais volte a ameaçar os EUA’

Montagem com as fotos do presidente dos EUA, Donald Trump, e o do Irã, Hassan Rohani  (Foto: Mary F. Calvert/Peter Klaunzer/Reuters)Mais cedo, Hassan Rohani fez um discurso em que recomendava a Washington ‘não brincar com fogo’. Presidente dos EUA voltou a impor sanções a Teerã, que entrarão em vigor em agosto.

O presidente Donald Trumpadvertiu nesta segunda-feira (23) o presidente iraniano, Hassan Rohani, que “não volte nunca mais a ameaçar os Estados Unidos” se não quiser “sofrer consequências históricas”. A declaração de Trump é uma resposta a um discurso de Rohani, que recomendou a Washington “não brincar com fogo”.

“Ao presidente iraniano Rohani: Nunca mais volte a ameaçar os Estados Unidos ou sofrerá consequências como as que poucos sofreram antes na história”, escreveu Trump na sua conta do Twitter. O líder americano acrescentou: “Já não somos um país que aguentará suas palavras de violência e morte. Seja cauteloso!’.

Poucas horas depois, a agência estatal iraniana Irna minimizou as mensagens de Trump, descrevendo-as como uma reação passiva aos comentários de Rohani. *G1

Faustão faz piada gordofóbica de Gaby Amarantos e é detonado na web

‘Não fez bariátrica, mas todos nós gordinhos vamos ter que fazer um dia’, disse o apresentador à Tiago Abravanel, que imitou a cantora

A cantora Gaby Amarantos resolveu soltar o verbo sobre o apresentador e empresário Silvio Santos na última semana. Ela publicou um vídeo o chamando de racista, homofóbico e gordofóbico e continua repercutindo bastante. O assunto voltou à tona neste domingo (10), após uma piada de mal gosto feita por Faustão em seu Domingão, durante performance de Tiago Abravanel imitando a cantora.

“Super Tiago, fez a Gaby antes da bariátrica”, disse Faustão ao neto de Silvio Santos, fazendo referência à famosa cirurgia de redução de estômago. “Ela fez bariátrica?“, questionou Tiago, cuja performance repercutiu bastante na semana em que Gaby disparou contra Silvio. *Correio

Moro é apresentado como ‘heroi nacional’ e ‘celebridade’ durante evento em Nova York

Moro é apresentado como 'heroi nacional' e 'celebridade' durante evento em Nova York

O juiz Sérgio Moro recebeu tratamento de “heroi nacional” e de “celebridade” durante um jantar realizado esta semana em Nova York, parte da sua agenda nos Estados Unidos. Segundo informações da Folha de S. Paulo, o evento aconteceu em um restaurante de Manhattan e uma colunista do Wall Street Journal chegou a sabatinar o juiz. Durante o jantar foi exibido um vídeo no qual aparecem imagens das manifestações pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, além de uma montagem em que Moro aparece com o corpo do Super-Homem. Em pronunciamento à plateia, ele comentou que o apoio da opinião pública foi fundamental para os seus julgamentos na Operação Lava Jato. “Isso nos deu a força necessária para seguir adiante. Sempre há um risco que políticos e empresários importantes vão tentar obstruir a justiça e nossas ferramentas são a transparência e o apoio da opinião pública”, comentou. *Folha de S. Paulo